Comunidade virtual – Trabalho em casa no regime de plantão extraordinário do TJMG – Modalidade: a distância

1- PÚBLICO AO QUAL SE DESTINA:

Magistrados, servidores, estagiários e terceirizados do TJMG.

2- OBJETIVO:
Propiciar a magistrados, servidores, estagiários e terceirizados informações que promovam o reconhecimento da importância de algumas práticas para atuação no regime de home office com organização e eficiência, preservando as boas relações de trabalho.

3- MATERIAIS:
– A organização das atividades e o planejamento do tempo
– Noções de Ergonomia para montagem do home-office
– Requisitos tecnológicos fundamentais para acesso aos sistemas do Tribunal
– Banco de boas práticas

4- METODOLOGIA:
A comunidade do Trabalho em casa no regime de plantão extraordinário do TJMG é composta por vídeos, banco de boas práticas e materiais. Os conteúdos disponibilizados são extratos do curso ” Preparatório para Participação no Projeto Experimental do Teletrabalho no TJMG ” e foram disponibilizados na comunidade para auxiliá-los nesse momento em que as atividades estão sendo desenvolvidas em trabalho remoto. Não há equivalência entre as atividades exercidas no regime de teletrabalho, pelos servidores designados pela Presidência, mas alguns aspectos como a administração do tempo e as dicas de ergonomia servem para todos. Fiquem a vontade para compartilharem boas práticas que possam auxiliar outros participantes.
O ambiente virtual fica disponível em tempo integral para o acesso dos participantes aos materiais, sempre que necessário. O banco de boas práticas permite a troca de práticas de sucesso adotadas durante a quarentena.

5- DATA DE LANÇAMENTO DA COMUNIDADE: 08 de maio de 2020.

6- PROCEDIMENTOS PARA REALIZAR A INSCRIÇÃO:
O interessado em participar da comunidade, deverá:
6.1. Acessar o endereço http://siga.tjmg.jus.br/, clicar em “Comunidades virtuais”;
6.2. Na pagina de comunidades, localizar a comunidade “Trabalho em casa no regime de plantão extraordinário do TJMG” e clicar em “Solicitar”;
6.3. Em seguida, preencher ou atualizar no formulário seus dados de cadastro e clicar no botão “Confirmar o pedido de inscrição”.
6.4. Os campos CPF e senha, preenchidos durante o procedimento de inscrição, serão utilizados, respectivamente, para login
e senha de acesso ao ambiente virtual da comunidade, devendo ser anotados pelo candidato, como forma de lembrete.

7- ACESSO A COMUNIDADE:
A Comunidade será́ oferecida por meio da Internet, pelo endereço http://siga.tjmg.jus.br/. Para acesso ao ambiente virtual da comunidade é necessário seguir as etapas:
7.1. Clicar no link “Comunidades virtuais”, na sequência, clicar no link “Entrar”, que se encontra em frente ao nome da comunidade.
7.2. Digitar o login (os 11 algarismos do CPF) e a senha, tais como definidos na ocasião do preenchimento do formulário de inscrição.

8- PRÉ-REQUISITOS TECNOLÓGICOS:
Para acesso à comunidade é necessário:
8.1. Possuir ou ter acesso a um computador multimídia, capaz de reproduzir áudios e vídeos;
8.2. Acesso à Internet, com velocidade mínima de conexão de 256 kbps;
8.3. Possuir endereço de correio eletrônico (e-mail) válido e atual; o e-mail deverá ser de uso exclusivo do estudante e consultado, preferencialmente, diariamente;
8.4. Sistema Operacional e Navegador de Internet atualizados. Adobe Flash Player, Adobe Acrobat Reader e Windows Media
Player instalados e atualizados.
8.5. Computador com acesso ao Youtube.

9- UTILIZAÇÃO DO MATERIAL DA COMUNIDADE:
A utilização e o download dos materiais da comunidade somente serão permitidos para uso pessoal do estudante, visando facilitar o aprendizado dos temas tratados, sendo proibida sua reprodução e distribuição sem prévia autorização da EJEF.

10- COORDENAÇÃO ADMINISTRATIVA E METODOLÓGICA:
Central de Tecnologia para Educação e Informação – CETEC/Núcleo de Educação a Distância e Coordenação de Planejamento e Desenvolvimento Pedagógico – COPED.

11- SUPORTE TÉCNICO:
Central de Tecnologia para Educação e Informação (CETEC) / Núcleo de Educação a Distância: http://siga.tjmg.jus.br/mod/faleconosco/

12- ESTIMATIVA DO MONTANTE DA DESPESA: R$ 0,00.

13- ORIGEM DA RECEITA: TJMG